Start up! Artes Gráficas

Trabalhos feitos por profissionais com + de 10 anos de experiência em artes gráficas!

Principais sites de Notícia do Brasil

Rio Grande do Sul e Vale do Taquari (Lajeado e região)

Canva

O software online que veio para ficar!

Cores

Curiosidades sobre cores

Design Freelancer

Quais as etapas da venda de um projeto

Monitores

Qual o melhor monitor para designer gráfico?

E quando não existia Photoshop?

Veja como eram editadas as fotos

Designer x Arte finalista

Diferença entre Arte finalista e Designer

quarta-feira, 6 de abril de 2016

Design de games - Fatec Game Week acontecerá de 18 a 21 de maio de 2016

Segundo a associação dos desenvolvedores (Abragames), o setor de games no Brasil cresceu uma média de 12% nos últimos cinco anos. Os jogos são considerados como atividade da Economia Criativa, é uma soma de criatividade ao seu valor econômico, e ultrapassaram o viés do entretenimento. Atualmente, os games são importantes ferramentas pedagógicas, utilizadas em escolas e nas áreas da saúde, como jogos com sensores de movimento que auxiliam em tratamentos de doenças como terapia e fisioterapia e também no uso empresarial como advergames e treinamentos empresariais.

Design de games
O profissional de design de games não cuida apenas do roteiro e dos cenários. O profissional dá suporte à criação de programas e ambientes de jogos, complementando o planejamento geral, desenvolvido pelo bacharel. Assim, o bacharel e o tecnólogo têm funções complementares: o primeiro, com uma visão estratégica dos jogos; o segundo, responsável direto pela produção dos games. O tecnólogo entende fundamentalmente das ferramentas de informática e das diversas plataformas, da criação de ambientes em 2D e 3D e da modelagem de personagens virtuais, por exemplo.
Existem vários tipos de jogos, vou mostrar uns modelos abaixo e artes para analisarmos:

CardGame
São os jogos de cartas, esse jogo é especialmente fantástico ao meu ver, me impressiono com os desenhos dos artistas antes de cada jogada e garanto que se perguntar aos jogadores de Magic eles irão comentar da arte do jogo.

Magic - Jogo de CartasMagic – Jogo de Cartas
BoardGame
Esses são os jogos de tabuleiros, resolvi colocar aqui um clássico, ele fez e faz parte da minha vida.

Detetive, Detetive – Board Game
Digital
Bem, esse é o mais jogado, seja mobile, pc, console, é a fatia do mercado que mais cresce e mais gera lucro. Escolhi mostrar esse exemplo, pois esse jogo ganhou vários prêmios no quesito arte, ele me emociona, é tão belo e leve, se você gosta de jogar e ainda não jogou esse jogo, jogue.

Journey - Jogo DigitalJourney – Jogo Digital
Bom esse é um pouquinho dos assuntos que vão rolar na FATEC GAME WEEK desse ano.

Tradição dentre os eventos da Faculdade de Tecnologia do Centro Paula Souza, a FATEC GAME WEEK é uma realização dos alunos e professores do curso de Desenvolvimento de Jogos Digitais do campus Carapicuíba, a fim de oferecer um panorama da área de Games no país para alunos ingressantes e população, além de reunir entusiastas e amantes de videogames.

Gosta de games? É da área ou simplesmente tem curiosidade em conhecer o curso? Esse é seu lugar!

Na semana, o evento é voltado para a parte acadêmica, a Fatec Game Week trás ao público uma série de palestras e discussões sobre produção e desenvolvimento de jogos, (palestras, workshops, networking, discussões) abrangendo todas as áreas da Produção de games (Programação, Roteiro, Modelagem 3D, Áudio, Arte, Negócios, Projetos, Publicação, Engines, etc…), bem como atividades voltadas à cultura gamer, além de muito networking, no sábado atividades para o lazer tomam conta do evento (Campeonatos, Cosplay, apresentações musicais e etc) além de apresentações dos projetos da faculdade no “Fui eu que fiz”.

De semana as palestras, workshops e demais atividades acontecem no período matutino (8:00 às 12:30) e noturno (19:00 às 22:00). Não há atividades planejadas para as tardes, mas os visitantes podem permanecer nas dependências da Faculdade. Já no sábado o evento abre às 9:00.

A próxima edição da Fatec Game Week acontecerá de 18 a 21 de maio de 2016.

Participe, o evento é TOTALMENTE GRATUITO!
Onde?
Fatec de Carapicuíba
Avenida Francisco Pignatari, 650 – Vila Gustavo Ferreira
Carapicuíba – SP – CEP: 06310-390 (próximo a Estação Carapicuíba).
Fonte: http://www.designersbrasileiros.com.br/

5 FILMES PARA AJUDAR SUA VIDA PROFISSIONAL


Filmes sempre nos ajudam em algo, seja dar boas risadas ou até nos mostrar alguns conceitos ótimos para serem aplicados na vida profissional e pessoal. Fiz um lista com 5 filmes que podem ajudar profissionalmente, confira:
AVISO: PODERÃO OCORRER ALGUNS SPOILERS.
1- Série Divergente
Resolvi falar desse primeiro pois o conceito criado nessa trama é um dos pontos chaves que me auxiliou nessa vida. O filme mostra um sistema criado pela sociedade da época, o sistema de facções; temos Abnegação (altruísmo), Amizade (generosidade), Audácia (Coragem), Franqueza (sinceridade) e Erudição (Inteligência), quando os habitantes alcançam a determinada idade (16 anos) eles passam por um teste de aptidão que dirá a personalidade de cada um e para qual facção possuem mais propensão a ficar.
Porém, temos os sem facção, eles não possuem habilidade alguma e por isso não possuem direito aos bens da sociedade, como: lugar para ficar, comida e vestimentas. E temos também os divergentes, esses por sua vez possuem aptidão para todas as facções e também não se enquadram no sistema, esses são caçados, perseguidos e a série vai se desenrolando. O ponto do não se enquadrar é o que me ajudou, ai vocês me dizem essa menina “tá loki”, talvez rs, eu sempre fui fora dos padrões e nunca me adequei muito bem, muitas vezes nos sentimos fora da caixinha, está ai o dom de empreender e buscar por desafios e satisfações, não só monetárias, quando vi esse filme e me deparei com essa parte eu pensei: “EUREKA haha me encontrei”, é isso que passo, eu não estou apenas em uma categoria, mas em todas elas, me ajudou a ver que podemos sim possuir vários dons e cada pessoa tem uma habilidade específica e devemos respeitá-la e saber conviver com os modos diferentes. Me fez ver como um lado bom, sobretudo me encontrar mais.
2- Os Estagiários
Esse filme para mim, consegue ser engraçado, divertido e ainda por cima com ensinamentos surpreendentes! A história começa com dois vendedores de relógios Billy e Nick (Vince Vaughn e Owen Wilson) que acabam de perder seus empregos, Billy encontra uma oportunidade de mudança na carreira e na vida e os candidata a vaga de estagiários no Google, o fato de se reinventar é incrível, dá um ânimo para continuar nossa trajetória, eles passam por um processo seletivo bem desafiador, eles são bem mais velhos que os demais, ficam no grupo “das sobras”, eu passei isso quando resolvi voltar a faculdade, era umas das mais velhas, para muitas situações parecia que não me enquadrava, havia 7 anos que tinha deixado o colegial, minha primeira faculdade foi “COMUNICAÇÃO” totalmente “HUMANAS”e um belo dia decidi fazer o vestibular e cursar “GAMES”, que possui de tudo, até biológicas rs, estudar matemática quando não se lembra de nada e todos os outros alunos estão com suas mentes ‘frescas’, oras acabaram de sair da escola, não é fácil acompanhar, porém ,eu dei meu máximo e consegui me superar.
O filme mostra trabalho em equipe, transformação, luta, conquista, trabalho árduo, que nunca é tarde para realizar sonhos e aprender algo novo, a conviver com pessoas extremamente diferentes de você, a se adequar, o filme é fantástico além de passar algumas coisas que o GOOGLE lhe proporciona, conheci uma moça que trabalhou lá e disse que realmente a filosofia é bem aquela liberdade, coisas para se fazer, tudo lá dentro da companhia, o que me faz refletir, você não precisa sair de lá para nada ou seja sua vida social e profissional se misturaram isso pode ser bom ou ruim depende do contexto ou como sempre digo depende da sua vibe, do seu momento.
3- De repente 30
Sim!!! Um filme de sessão da tarde, por sinal ele tem muita coisa que eu sigo profissionalmente, essa trama conta a história de uma menina que em seu aniversário de 13 anos pede para ser adulta e voilà, ela de repente tem 30 anos, nessa sua passagem ela se tornou uma profissional da comunicação e é nesses momentos que percebo coisas semelhantes, pois a revista na qual ela trabalha passa por uma crise e ela acaba tendo algumas ideias para inovar; e o que envolve tudo?! Amor e dedicação, eu sempre digo, esses sentimentos devem nos reger sempre, fazer o que gostar e se dedicar a isso, o filme mostra a diferença clara de uma campanha bem montada, do planejamento de campanha, da importância de sentimentos no conteúdo e estrutura de público-alvo.
4- Universidade dos Monstros
Animação?! Sim!!! Esse filme tem muito a ensinar, é o segundo filme da série Monstros S.A, e por que eu Ana escolhi esse? Simplesmente pelo fato de falar sobre estudos, sim, a tão sonhada faculdade, coisa linda não é mesmo? Bem, mais ou menos, temos os folgados de sempre, que desejam passar de ‘ano’ sem nenhum esforço à custa dos outros (amiguinhos).
O filme mostra uma das coisas que para mim tem extrema importância: não julgar as pessoas e a primeira impressão não é a que fica, devemos sempre prestar atenção e nos colocar no lugar do outro, muitas vezes não estamos no nosso melhor dia, acredite, as pessoas mudam, todos temos direito à uma segunda chance! O trabalho em equipe, o esforço por notas, aflições, aceitação, trabalhos finais, dilemas, brigas e tudo mais, são bem frisados nessa trama, da forma mais divertida e bem pensada possíveis.
5- A Rede Social
Filme da rede social que eu mais acesso e talvez você também, sim, é um filme sobre como nasceu o Facebook. O filme retrata até as brigas pelos direitos sobre a ideia e tudo mais, pra quem é de tecnologia, curioso ou usa a rede social acredito que tem por obrigação assistir, como costumo dizer, saber de onde vem as coisas principalmente as que você utiliza é bem bacana para não falar besteira e saber a essência das coisas.
O filme mostra como foi o conceito da maior rede social da atualidade, sua concepção, seu desenvolvimento, sua estrutura, o sucesso e as brigas. Esse filme me ensinou a ter mais cautela com minhas ideias, porque se o seu negócio dá certo, todos vão querer uma parte, pode ter certeza, vários amigos aparecem com o dinheiro (esse mal – porque você deixa ele ser seu mal – que move o mundo), porém os verdadeiros ficam quando não temos um real no bolso.
Fonte: http://www.designersbrasileiros.com.br/

5 programas que devemos dominar ou no mínimo conhecer para sermos bons designers


A maioria dos meus textos são sobre inspiração, porque este realmente é um assunto que  eu amo. E é tão bom poder falar sobre o que amamos, sobre o que nos deixa bem. Quando eu falo sobre o que nos deixa bem me vem à cabeça um assunto que eu sou apaixonada: o meu trabalho. Tem uma dessas frases bem filosóficas “Escolha um trabalho que você ame e você nunca terá que trabalhar um dia em sua vida” Confúcio.
Eu sou esse tipo de pessoa, e assim como todo designer aprendi muito com as experiências e também com muito estudo.
No início eu não tinha muito um norte, eu simplesmente amava arte e comecei a pesquisar. Temos muito conhecimento hoje em dia e isso é mais acessível para nós. Mas mesmo assim tem muita gente que ainda fica perdido.
Tem gente que “cai de paraquedas” em gráfica ou agência, tem gente que esta apenas fazendo um trabalho para a escola ou faculdade, tem gente que está ajudando o pai no negócio da família e os mesmos, para economizar colocam o filho para ser o “designer” da empresa e tem também o “sobrinho”, né? Rsrsrs.
Mas enfim, todas essas pessoas precisam ter uma noção básica dos programas que precisam usar para executar o trabalho de uma maneira mais profissional.
Bom, vamos lá…

Adobe Illustrator

É uma ferramenta para criação de imagens vetoriais. O AI é um software de vetores mais usado, com ele pode-se criar banner’s, panfletos, cartões de visitas, layouts etc.



Adobe Photoshop

Um programa de edição de imagem super profissional, o mais conhecido em termos de edição visual. Tratamentos e recortes de fotos, restauração de imagens, pode-se criar também layouts para sites, simples animações, montagem de fotos etc. O PS é um programa que foi criado para tratamento de imagem mesmo, mas com o passar do tempo as pessoas foram se aprimorando em criações em psd.



Adobe Indesign

Este editor é muito utilizado principalmente em jornais, revistas, editoras etc, ou seja todo trabalho que precise de diagramação ou organização de páginas. Ele chegou para substituir o simples page maker (software mais antigo de diagramação), em algumas gráficas ainda existe alguns trabalhos neste editor. Mas o Indesign com todo seu estilo e praticidade ganhou gráficas, agências, freelas, entre outros.



Corel

É também uma ferramenta de criação e vetorização, está numa briga há algum tempo na decisão se é amado ou odiado pelos designers. Antes desta evolução da Adobe, era o favorito em quase todo os meios de comunicação. É um programa de fácil utilização, mas que tem seus contras. Após a chegada do Illustrator seu uso foi bem reduzido, e mesmo com tanta modernidade e atualizações, já estamos na versão x7 e ainda continua com problemas antigos.



Adobe Lightroom

O queridinho dos fotógrafos com toda razão, veio para facilitar a vida de quem precisa trabalhar com várias fotos. Ótimo para gerenciar, exibir, tratar grandes volumes de fotos digitais. Essa ferramenta esta ganhando aos poucos estúdios e agências.



Espero que possam aproveitar as dicas. Agora que já vocês já tem uma direção, basta seguir. Estudar, ler, procurar tutoriais e ver com quais programas você se identifica. E é claro colocar em prática.Lightroom Retouching

Curte e compartilha este post para levar conhecimento para mais pessoas, e comenta aí como foi o seu início, com qual programa você gosta de trabalhar e com qual se aventura às vezes.

Fonte: http://oscriativos.com/

4 coisas que provavelmente você não sabe sobre o logotipo do Rio 2016


Criar o logo das Olipíadas Rio 2016 seria um desafio enorme para qualquer empresa, afinal é um dos maiores eventos do mundo, e um dos mais importantes que o Brasil vai sediar daqui a alguns meses. E quando esta empresa é escolhida entre outras grandes agências que também estavam participando do processo de licitação, o desafio torna-se maior ainda.
Foi o que aconteceu com a agência Tátil. Em setembro de 2009, a empresa derrotou outras 139 agências de design e publicidade, para ganhar o tão ambicionado trabalho de criação do logo. Segundo eles, o desafio foi criar, em uma só imagem, uma marca que trouxesse um espírito de coletividade, além de transmitir a imagem do Rio de Janeiro, provocar emoções nas pessoas, ser compreendida universalmente, além de outros diversos pontos listados por eles. No vídeo abaixo, você pode ouvir dos próprios integrantes da agência como foi o processo de criação do logo:

Mas tem alguns fatos sobre a marca que talvez você ainda não saiba, e como o evento já estar prestes a acontecer, não poderíamos deixar isso passar batido para nosso leitores, sejam designers ou não. Afinal, a criatividade é para todos ;).

1. A forma do logo mapeia uma parte do pão de açucar.


2. O logotipo da Paraolimpíada mistura dois símbolos arquetípicos: o coração e o símbolo do infinito.


 3. Nas cores do símbolo presente no logo, o amarelo simboliza o sol, o azul o mar e o verde as florestas.



4. Em certo ângulo do logo, muitas pessoas começaram a enxergar a palavra “Rio” no símbolo.


Mas segundo a Tátil, surpresos ao ouvir este fato, disseram que isto não foi em nenhum momento planejado pelos designers da agência.

Fonte: http://oscriativos.com/

Designer cria embalagens de macarrão com formas de diferentes tipos de cabelos


Com todo o holofote sobre as mulheres nesses últimos tempos e todo o espaço que as mesmas estão conseguindo ganhar, inspirou o russo Nikita a desenvolver algumas embalagens de macarrão com rosto de mulheres fazendo com que o conteúdo formasse diversas formas de cabelo.
A criação do designer é mais uma das suas peliculosidades, conseguindo destacar desde o estilo afro ao liso, vendendo não apenas um macarrão mas também um novo conceito na hora de se escolher o complemento.
Confira abaixo as imagens:



E por fim, o designer disponibilizou uma imagem de como esses produtos ficariam expostos nas gôndolas, o que mostra mais uma vez a ideia de vender um novo conceito diferente dos demais concorrentes. Quem não ia querer comprar um macarrão desses? Pode ter certeza, se alguma marca um dia aderir as artes vocês irão ver por aqui no GKPB.


Fonte: http://geekpublicitario.com.br/


Oi apresenta nova identidade visual e logos


A operadora de telefonia Oi apresentou hoje para o público brasileiro a sua primeira grande mudança de marca desde 2002, quando foi lançada pela agora extinta Telemar. Antes com apenas algumas opções de marcas, o novo logo da Oi agora tem pelo menos 70 formas diferentes, algo que segundo a empresa deixa a marca “mais interativa, digital e dinâmica”. Acima você confere três exemplos dos novos logos da operadora.

As novas marcas foram desenvolvidas em parceria com as agências Wolff Olins e FutureBrand, e estariam em desenvolvimento desde 2012, tendo rendido a esta primeira pelo menos 350 mil libras segundo a Veja. A empresa diz que a nova identidade é “fluida, social e antenada” e embora tenha demonstrado 70 variações do logo em um press-release para jornalistas nesta tarde, ela na verdade teria “infinitas formas”. Veja abaixo as matrizes tiradas do manual da marca da Oi.


O contraste com os logos anteriores, também desenhados pela Wolff Olins, é bem claro, já que eles tinham apenas seis formatos e usavam uma cor sólida. A empresa só adaptou seu logo em três outras ocasiões, segundo a logopedia: uma para representar o instituto Oi Futuro, outra com contornos para a Oi FM e Oi Rdio e outra com um roxo sólido para representar os serviços fornecidos apenas para empresas.


A Oi é a segunda grande operadora do país a anunciar uma mudança de marca. Em janeiro deste ano a TIM anunciou que mudaria sua marca no país com uma campanha já em 2016. Mas por hora, a operadora decidiu começar pela Itália e ainda não há uma data certa para quando a nova identidade deve aparecer por aqui.

Fonte: http://www.b9.com.br/


HP muda logo e utiliza versão rejeitada em 2011


2016 parece mesmo o ano do rebrand. Desta vez foi a HP que alterou sua marca após oito anos desde a última mudança. Entre as tantas mudanças na área do design feitas neste ano, o diferencial é que a “nova marca” da empresa foi, na verdade, rejeitada em 2011, e aprovada cinco anos depois, segundo o site TNW.
O trabalho, feito pela Moving Brands, deixa a forma de círculo que envolvia o nome da empresa e utiliza a partir de hoje apenas quatro traços.
A partir do príncipio que a tecnologia muda a vida das pessoas, a marca e identidade da empresa foi elaborada do que os criadores consideram “progresso humano”.
Apesar de que a marca não foi lançada oficialmente até 2016, o seu conceito foi informados diretamente pelo desenvolvimento da identidade e design do sistema. A história da marca foi posteriormente expandida em diferenciadores e comportamentos de caracteres para ajudar a entregar sobre ela”, Glenna Patton, VP de marca da HP
novo_logo_HP-420x229
Confira o vídeo de apresentação:
*Atualização às 21h42: Segundo o site TecMundo, o novo logotipo deve ser utilizado apenas na linha premium da empresa, diferentemente de outras fontes.

Fonte: http://designconceitual.com.br/

← Postagens mais recentes Postagens mais antigas → Página inicial